Movendo-se pelo mundo como católico
Direto ao assunto
Direto ao assunto

Direto ao assunto

Ouça aqui e compartilhe

Indo direto ao assunto 

Assim como Jesus o fez 

Se você O ama 

Obedeça-O mais uma vez 

Perceba que obedecer 

É mais do que “sim” dizer 

É a graça receber 

Para a vontade Dele fazer

Observe com atenção

Pode usar a imaginação

Se ajudar na compreensão 

De toda essa situação

Você pode se esforçar 

E muito trabalhar 

Mas para Deus é preciso 

Mais do que se dedicar 

Assim foi com os discípulos 

Que estavam a pescar

Mesmo depois da longa noite 

Nada tinham para partilhar 

Pense em seu apostolado

Ou no serviço de sua vocação 

Matrimonio ou celibatário 

Sem Deus é esforço em vão 

Jesus indica o lado 

Que devem lançar a rede 

E é o discípulo amado

Quem reconhece Ele 

Não busque atalhos mágicos 

Só amando e sendo amado 

É que somos capazes 

De reconhecer o Ressuscitado 

Pedro que estava nu 

Rapidamente se vestiu

Como se fosse simples 

No mar submergiu 

Todos somos pequenos 

E fracos diante de Deus 

Devemos seguir seus designíos 

Da maneira como Ele escolheu 

Por isso a Igreja de Cristo 

Segue os ensinamentos de Deus 

Ele que dali da margem

Presenteia os filhos Teus

O primeiro que se lança 

É aquele que Ele escolheu 

Para guiar Tua Igreja 

E todo o povo Teu 

Pedro é quem conduz a barca

Onde estão os apóstolos de Deus 

Os apóstolos são quem seguram a rede 

Com os peixes que Jesus os concedeu

Amar verdadeiramente a Cristo 

É confiar nos que Ele escolheu

Temos o sucessor de Pedro 

O Papa que obedece a Deus 

Fidelidade e sacrifício 

Sinal de todos os discípulos 

Hoje os padres ungidos 

Pelo sacramento de Deus 

Dos quais somos filhos 

Grandes peixes escolhidos 

Para sermos conduzidos 

Como rebanho de Deus 

Assim Ele nos espera

E deseja conosco contar

Ele que sabe de tudo 

E quer nos ouvir falar 

Pense um pouco nisso

O que você dirá a Cristo 

Quando Ele te perguntar 

“Tu me amas?”

(Jo 21,1-19)

Percebam Deus nos pequenos detalhes.

Graça, Paz e Misericórdia.

Deixe uma resposta