Ouça aqui e compartilhe

Foi pelo santo batismo 

Que lhe chamaram de Fernando 

Um estudante formidável 

Que decidiu ser padre Antônio 

Em Coimbra ele viveu 

E lá também estudou 

Foi quando conheceu 

Os franciscanos e se apaixonou 

Tinha a Bíblia na memória 

Cada verso na ponta língua

Mas marcou a sua história 

Por demonstrá-la com sua vida 

Pregou a muitos o evangelho

Por suas mãos muitos milagres 

Combateu as heresias 

E a muitos fez casados

 

São muitos os seus títulos 

Alguns diferenciados 

Filósofo, teólogo e professor 

Por Cristo um apaixonado 

Na Itália é de Pádua 

Em Portugal é de Lisboa 

No Brasil é casamenteiro 

E em junho tem uma festa boa 

Doutor da Igreja 

Até hoje língua santa 

Não é de se admirar 

Ser chamado “arca da aliança”

Suas palavras nunca eram 

Diferente de suas ações 

Pois sua boca só pregava 

O que estava em seu coração 

A santidade de uma vida 

Que desejava viver com Deus 

Não demorou muito 

E o Próprio ele conheceu 

Pois foi com 36 anos

Que Jesus o convidou 

A plenitude dos Santos 

E Antônio nos deixou 

O grande santo que por nós 

Hoje intercede lá dos céus 

Nos ensina a imitá-lo 

E a agradar o Pai do Céus 

Santo Antônio, rogai por nós!

Percebam Deus nos pequenos detalhes.

Graça, Paz e Misericórdia.